Projeto Do Candombe ao Tango (Seminário-Performance em Circulação sobre Estudos Afrolatinoamericanos comparados Brasil-Uruguai-Argentina)

Do(s) Candombe(s) ao(s) Tango(s)
FILOSOFIA AFRO LATINO AMERICANA

     Nesta investigação buscamos refletir sobre as experiências de circulação do seminário do Candombe ao Tango, realizados no Brasil e na Argentina entre 2016 e 2020. Considerando o método de análise utilizado pelos estudos da Performance e os Estudos Afro Latino-americanos, as reuniões do seminário foram desenvolvidas de acordo com protocolos de experimentação corporal, acústica e visual seguidos de debate. Nosso objetivo é identificar a permanência das concepções elitistas na cultura e refletir sobre a invisibilização, a intolerância e os preconceitos étnico-raciais, de classe e de gênero nas danças. A alteridade nas corporeidades dos dois complexos culturais transnacionais é colocada em perspectiva histórica, produto do processo colonial, político, econômico e social iniciado em América com o comércio transatlântico dos escravizados da África no final do século XV.

O laço invisível (Gallucci, 2020)

Contemplado pelo Prêmio Funarte RerspirArte
[:pt]marca-Funarte-horizontal_preferencial-fundo-preto[:]

Comece a digitar sua pesquisa acima e pressione Enter para pesquisar. Pressione ESC para cancelar.